Pesquisar este blog

segunda-feira, 31 de agosto de 2020

Guilherme Corrêa



Nome real: Guilherme Flores da Cunha Corrêa

Créditos: Guilherme Corrêa, Guilherme Correa, ou Guilherme Correia

Atividades: Ator

Áreas: Cinema, teatro e TV

Nascimento: 29/10/1930, Quaraí/RS

Óbito: 02/02/2006, Rio de Janeiro/RJ

Causa óbito: Infarto

Relacionamentos: Foi casado com a atriz a atriz Ana Rosa (1962-1964); e com a atriz Rita Cléos (1966-1971). Era novamente casado com a atriz Ana Rosa (1975-2006), duas filhas: Ana Luísa (falecida em 1995) e Ana Beatriz.

Nota: Estava aposentado. Formado em Teatro.

Site: http://memoria.bn.br/DocReader/089842_07/5384

Carreira: 1952-2003

Alguns trabalhos:

1952 - A Verdade de Cada Um (Teatro)
1952 - Helena Fechou a Porta (Teatro)
1953 - Week-end (Teatro)
1953/1954 - É Proibido Suicidar-se na Primavera (Teatro)
1953/1954 - Teatro Nicette Bruno (Televisão)
1954 - Lição de Botânica (Teatro)
1954 - Não Te Assusta, Zacaria! / Noites Gaúchas (Teatro)
1954 - O Primo da Califórnia (Teatro)
1955 - Maria Stuart (Teatro)
1955 - Teatro de Cacilda Becker TV Record: Auto da Rosa de Belém (Televisão)
1955 - Volpone (Teatro)
1955/1956 - Os Filhos de Eduardo (Teatro)
1956 - Hamlet (Teatro)
1956 - Quando as Paredes Falam (Teatro)
1957 - A Menina Sem Nome (Teatro)
1957 - Chá e Simpatia (Teatro)
1957 - O Comício (Teatro)
1957 - Henrique IV (Teatro)
1958 - Amor Sem Despedida (Teatro)
1958 - Uma Cama para Três (Teatro)
1958 - Vestido de Noiva (Teatro)
1959 - Nu, com Violino (Teatro)
1959/1960 - Sexy (Teatro)
1960 - A Raposa e as Uvas (Teatro)
1961 - Fogo na Barba! (Teatro)
1963 - Pelés e Peladas (Teatro)
1965 - Teleteatro TV Piratini: Jerusalém, Sexta-Feira (Televisão) - Herodes
1969/1972 - Lá (Teatro)
1971 - Marido, Matriz e Filial (Teatro)
1972 - Um Edifício Chamado 200 (Teatro)
1973 - Marido, Matriz e Filial (Teatro)
1973/1974 - Freud Explica, Explica? (Teatro)
1974 - A Teoria na Prática É a Outra (Teatro)
1976 - A Feira do Adultério (Teatro)
1976 - Teatro 2 TV Cultura: Napoleão e Elvira (Televisão)
1977 - A Cinderela do Petróleo (Teatro)
1978 - Camas Redondas, Casais Quadrados (Teatro)
1980 - Cavalo Amarelo TV Bandeirantes (Televisão) - Porfírio
1980 - Marido, Matriz e Filial (Teatro) - Direção
1980/1981 - Mãos ao Alto, São Paulo! (Teatro)
1981 - O Anti-Nelson Rodrigues (Teatro)
1982 - Viva Sem Medo Suas Fantasias Sexuais (Teatro)
1983 - As Aventuras de Mário Fofoca (Cinema) - Bandido
1985 - O Que o Mordomo Viu (Teatro)
1989 - Trair e Coçar, É Só Começar! (Teatro)
1990 - Desejo TV Globo (Televisão)
1996 - Os Fantástikos (Teatro)

Um comentário:

Anônimo disse...

cenas super divertidas com a Dercy Gonçalves em Cavalo Amarelo, ele fazia o Porfírio, parece que era um empresário dela