Pesquisar este blog

segunda-feira, 24 de agosto de 2020

Margot Louro



Nome real: Margarida Teresa Dias

Créditos: Margot Louro, Margo Louro, Margô Louto, ou Margot Loro

Atividades: Atriz e cantora

Áreas: Rádio, teatro, cinema e circo

Nascimento: 23/11/1916, Rio de Janeiro/RJ

Óbito: 28/12/2011, São Lourenço/MG

Causa óbito: AVC

Relacionamentos: Viúva do ator Oscarito (1933-1970), dois filhos: a atriz Myriam Theresa, e o musicista José Carlos.

Nota: Aposentada. Filha da atriz Estefânia Louro. Irmã da atriz Olga Louro. Avó do ator Carlos Loeffler. Estava internada desde o dia 24, devido a uma fratura no fêmur. Sofira de degeneração cerebral, que resultou em isquemias. Eleita "Rainha das Artistas" de 1941.

Carreira: 1932-1985

Alguns trabalhos:

1932 - Al Tahmiro Bey (Teatro)
1932 - Grande Hotel (Teatro)
1932 - Mania de Grandeza (Teatro)
1932 - Mulher (Teatro)
1932 - O Amigo da Família (Teatro)
1932 - O Rosário (Teatro)
1932 - Pivette (Teatro)
1932 - Romance de um Moço Rico (Teatro)
1937 - A Mascote do Morro (Teatro)
1937 - A Menina de Ouro (Teatro)
1937 - Mamãe Eu Quero (Teatro)
1937 - Rumo ao Catete (Teatro)
1937/1938 - Três Pequenas do Barulho (Teatro)
1938 - O Cantor da Cidade (Teatro)
1938 - Romance dos Bairros (Teatro)
1939 - Camisa Amarella (Teatro)
1940/1941 - Disso É Que Gosto (Teatro)
1941 - A Cuíca Está Roncando (Teatro)
1942 - Da Guitarra ao Violão (Teatro)
1942 - Ofensiva da Primavera (Teatro)
1942 - Tripas à Moda do Porto (Teatro)
1943 - Defesa da Borracha (Teatro)
1943 - Ouro de Lei (Teatro)
1944 - As Lavadeiras (Teatro)
1944 - Fogo na Canjica (Teatro)
1944 - Momo nas Cabeceiras (Teatro)
1944 - Toca pro Pau (Teatro)
1945 - A Cobra Tá Fumando (Teatro)
1946 - Nem Te Ligo! (Tetro)
1953 - Cupim (Teatro)
1955 - O Golpe (Teatro)
1959 - Esse Milhão É Meu (Cinema) - Gertrudes
1982 - Caso Verdade TV Globo: Disque CVV para Viver (Televisão)

Nenhum comentário: