Pesquisar este blog

quarta-feira, 29 de setembro de 2021

Perry Salles



Nome real: Perilúcio José de Almeida

Créditos: Perry Salles, Perry Sales, Perri Salles, ou Perri Sales

Atividades: Ator, diretor, cantor, autor, roteirista e produtor

Áreas: Cinema, teatro e TV

Nascimento: 06/03/1939, Rio de Janeiro/RJ

Óbito: 17/06/2009, Rio de Janeiro/RJ

Causa óbito: Câncer no cérebro

Relacionamentos: Teve um relacionamento (1964/1965), um filha: Renata. Foi casado com a atriz Miriam Mehler (1968/1972), um filho: Rodrigo; e com a atriz Vera Fischer (1972/1988), uma filha: Rafaela; e com Beatriz Regis Bittencourt (1990/1997), dois filhos: Rômulo e Romeu.

Nota: Estava aposentado. Formado em Teatro. Filho biológico de Corina Barreto de Almeida. Filho adotivo da atriz Yara Salles. Irmão de criação do ator Vitor Binot. Também atuou como empresário teatral na "Cia. Paiol-Teatro & Arts". Seu filho Rodrigo faleceu num acidente automobilístico, aos 21 anos, em 1990; Sofreu infarto em 2006. Faleceu de câncer no cérebro, metástase de um câncer no pulmão, diagnosticado em 2009.

Carreira: 1958-2007

Alguns trabalhos*:

1958 - Chá e Simpatia (Teatro)
1958 - O Processo de Jesus (Teatro)
1959 - Loteria (Teatro)
1959 - Playboy (Teatro)
1959 - Timbira (Teatro)
1960 - Blum (Teatro)
1960 - Nascida Ontem (Teatro)
1960 - O Filho de Deus (Teatro)
1961 - Assassinato em Copacabana (Cinema)
1961 - O Dono da Bola (Cinema) - Fernando
1961 - Peça Musicada TV Tupi (Televisão) - Assistência de Direção
1961 - TV de Comédia Tupi: O Maluco Número Quatro (Televisão)
1962 - Ôba! (Teatro)
1962 - Elas Atacam pelo Telefone (Teatro)
1962 - Zelão Boca Rica (Teatro) - Ricardinho Big Malião
1964 - Arco-Íris (Teatro)
1964 - O Segredo de Laura TV Tupi (Televisão)
1965 - Arco-Íris (Teatro)
1965 - A Outra Face do Artista TV Excelsior (Televisão) - Apresentador
1965 - Os Fantastikos (Teatro)
1966 - Gildinha Saraiva (Teatro)
1966 - Os Sete Gatinhos (Teatro)
1966/1967 - Black White TV Tupi (Televisão)
1967 - TV de Comédia Tupi: Dentro de 10 Dias, Papai Vai Fugir (Televisão) - Guilherme
1968 - O Homem do Princípio ao Fim (Teatro)
1968 - Quarenta Quilates (Teatro)
1969 - À Flor da Pela (Teatro)
1969 - A Moreninha (Teatro)
1971 - Rio de Janeiro: Verso e Reverso (Teatro) - Direção
1972 - Abelardo e Heloísa (Teatro) - Abelardo
1973 - Comédia Premiada TV Tupi: Feitiço (Televisão) - Dagoberto 'Dagô'
1977/1978 - Lição de Anatomia (Teatro)
1981 - Obrigado, Doutor TV Globo: Arma Branca (Televisão)
1987 - Mandala TV Globo (Televisão) - Laio Lunardo
1991 - Os Crimes de Shakespeare (Teatro) - Atuação, Autoria e Produção
2007 - Confidências 'Monólogo' (Teatro) - Atuação e Produção

(*) Pesquisa em andamento

Nenhum comentário: