Pesquisar este blog

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2020

Ana Maria Nabuco



Nome real: Ana Maria Nabuco de Abreu

Créditos: Ana Maria Nabuco, Anamaria Nabuco, ou Anna Maria Nabuco

Atividades: Atriz, figurinista, modelo e cantora

Áreas: Cinema, teatro e TV

Nascimento: 20/01/1936, Paris - França

Óbito: 16/09/2017, São Paulo/SP

Causa óbito: Insuficiência respiratória

Relacionamentos: Era viúva de Paulo Feliciano Suplicy (1968-2004), uma filha: Paola.

Nota: Afastou-se da mídia. Formada em Teatro. Chegou ao Brasil em 1941. Irmã do ator Maurício Nabuco. Viveu na cidade de Porto Feliz/SP. Nome de casada: Ana Maria Nabuco de Abreu Suplicy.

Site: https://www.facebook.com/anamaria.suplicy.7

Carreira: 1957-1968 (35 obras)

1957 - Arara Vermelha (Cinema) - Tilde
1957 - Escravos do Amor das Amazonas / Love Slaves of the Amazon (Cinema) - Conori, a Rainha da Amazônia (EUA/Brasil)
1957 - Hora da Fantasia (Teatro)
1957 - Uma Certa Lucrécia (Cinema) - Cosetta
1958 - A Mulher do Outro (Teatro)
1958 - Cara de Fogo (Cinema) - Rosalina
1958 - Chofer de Praça (Cinema) - Iolanda
1958 - Grande Teatro Tupi: A Dama das Camélias (Televisão)
1958 - Grande Teatro Tupi: Grave Acusação (Televisão)
1958 - Grande Teatro Tupi: Hedda Gabler (Televisão)
1958 - Grande Teatro Tupi: Minha Irmã Frances (Televisão)
1958 - Grande Teatro Tupi: Paiol Velho (Televisão)
1958 - O Cantor e o Milionário (Cinema)
1958 - Vestido de Noiva (Teatro) - Lúcia
1959 - Cidade Ameaçada (Cinema)
1959 - Grande Teatro Tupi: Chuva (Televisão)
1959 - Grande Teatro Tupi: Rosa dos Ventos (Televisão)
1959 - Sexy (Teatro)
1959 - Viagem a Três (Teatro)
1960 - Mulheres do Crepúsculo (Teatro)
1960 - Pistoleiro Bossa Nova (Cinema) - Lúcia
1964 - Boeing, Boeing (Teatro) - Aeromoça
1964 - Ritmo e Cores (Teatro) - Cantora, além da Atuação
1964 - Toda Donzela Tem Um Pai que É Uma Fera (Teatro) - Figurino
1965 - Eu Quero Você (Televisão) - Laura
1965 - O Berço do Herói (Teatro)
1965 - Vestido de Noiva (Teatro) - Lúcia
1965/1966 - Música, Divina Música (Teatro) - Elza Schraeder
1966 - O Amor Tem Cara de Mulher (Televisão)
1966/1967 - O Fardão (Teatro) - Beatriz
1967 - O Estranho Casal (Teatro)
1967 - Os Pais Abstratos (Teatro)
1967 - Os Pais Abstratos (Teatro) - (Portugal)
1968 - Anuska, Manequim e Mulher (Cinema) - Atriz
1968 - O Homem Nu (Cinema) - Magali

3 comentários:

anonimo disse...

Por onde anda essa atriz do filme Chofer de praça?

Unknown disse...

Gostaria de saber tbem

MARIO GORDILHO disse...

Fontes:

http://memoria.bn.br/DocReader/089842_07/64485
http://memoria.bn.br/DocReader/312622/8228