Pesquisar este blog

quarta-feira, 14 de outubro de 2020

Líbero Rípoli Filho



Nome real: Libero Ripoli Filho

Créditos: Líbero Rípoli Filho, Libero Ripoli Filho, Líbero Rípoli, Libero Ripoli, Rípoli Filho, ou Ripoli Filho

Atividades: Ator, autor, diretor, cenógrafo e produtor

Áreas: Teatro, TV e cinema

Nascimento: 22/09/1930, Piracicaba/SP

Óbito: 1988, São Paulo/SP

Causa óbito: Desconhecida

Relacionamentos: Era casado Maria Cândida G. Ribeiro (1956-1988), um filho: Libero Ripoli Neto.

Nota: Afastou-se da mídia. Formado em Teatro. Filho de Cecilia Garcia Ripoli. Também atuou nas artes plásticas como escultor e gravurista.

Carreira: 1954-1980

Alguns trabalhos:

1960 - O Doente Imaginário (Teatro) - Argão, além da Produção
1961 - Os Namorados (Teatro) - Conde Otricoli, além da Produção
1962 - O Doente Imaginário (Teatro) - Argão, além da Produção
1964/1965 - Depois da Queda (Teatro) - Lou
1967/1970 - O Milagre de Annie Sullivan (Teatro) - Capitão A. Keller
1970/1971 - Memórias de Um Sargento de Milícias (Teatro)
1971 - Tudo no Escuro (Teatro) - Atuação e Produção
1972 - A Infidelidade ao Alcance de Todos (Cinema) - Durvalino
1973 - A Super Fêmea (Cinema) - Comendador Rollo Maschio
1974 - As Delícias da Vida (Cinema) - Rudolf
1977 - As Três Mortes de Solano (Cinema) - Faro
1978 - O Bem Dotado: O Homem de Itu (Cinema) - Padre Belmiro
1979 - Cara a Cara TV Bandeirantes (Televisão) - Sandro
1979 - O Caçador de Esmeraldas (Cinema) - Frederico
1980 - Os Amantes da Chuva (Cinema)

Nenhum comentário: