Pesquisar este blog

sábado, 4 de julho de 2020

Chiquinho Brandão



Nome real: Francisco de Paula Brandão Bisneto

Créditos: Chiquinho Brandão, ou Chiquinho Brandao


Atividades: Ator e musicista

Áreas: Cinema, teatro e TV

Nascimento: 20/04/1952, Jaú/SP

Óbito: 04/06/1991, Rio de Janeiro/RJ

Causa óbito: Acidente automobilístico

Relacionamentos: Foi casado com Enierre Rachel Guimarães Silva (1980-1982), um filho: o ator e cantor Diogo Brandão.

Nota: Formado em Arte Dramática. Também era flautista. Sofria de depressão desde 1979.

Carreira: 1971-1994

Alguns trabalhos:

1977/1990 - Bambalalão TV Cultura (Televisão) - Professor Parapopó (manipulador de boneco)
1980 - Saudade do Brasil (Teatro) - Flautista
1985 - A Marvada Carne (Cinema) - Malandro
1986 - Cidade Oculta (Cinema)
1989/1990 - Top Model TV Globo (Televisão) - Paul Octávio 'Grilo'
1991 - O Sorriso do Lagarto TV Globo (Televisão) - Chico Bagre
1994 - O Beijo 2348/72 (Cinema) - Lourival, operário (lançamento póstumo)

2 comentários:

Anônimo disse...

Alias a cara do artista Vicente Barcellos.

Anônimo disse...

Partiu muito cedo. Era um tremendo ator, versátil, foi o professor Parapopó no Bambalalão. No teatro com o grupo Ornitorrinco. Como flautista com Elis Regina em Saudade do Brasil em 1980.
Trabalhou em Marvada Carne de 1985. Aqueles coadjuvantes que roubam a cena. Cidade Oculta de 1986. Protagonizou O Beijo 2348/72 de 1990, linda atuação, ganhou prêmio. Na minissérie o Sorriso do Lagarto sua última obra.
Enfim, uma pena que não tenha prosseguido sua carreira.