Pesquisar este blog

domingo, 14 de junho de 2020

Ítala Ferreira



Nome real: Ilduara Sanches Ferreira

Créditos: Ítala Ferreira, ou Itala Ferreira

Atividades: Atriz, radioatriz, radialista, locutora e apresentadora

Áreas: Teatro, rádio e cinema

Nascimento: 29/04/1903, Salvador/BA

Óbito: 24/02/1967, Rio de Janeiro/RJ

Causa óbito: Infarto

Relacionamentos: Foi casada Adamastor Salvado (1916-1941), dois filhos: Elba e Adamazildo Sérgio.

Nota: Filha de Lucinda Ferreira. Sobrinha da atriz Aurélia Delorme. Em 1921, com 18 anos, estreou em um companhia de Revistas no Recreio, no Rio de Janeiro/RJ. Atuou no Brasil e no exterior. Nome de casada: Ilduara Ferreira Salvado.

Carreira: 1921-1967

Alguns trabalhos:

1924 - À Hora do Beijo (Teatro)
1924 - Aventuras de um Rapaz Feio (Teatro)
1924 - Cocktail (Teatro)
1924 - Coitadinhas das Mulheres! (Teatro)
1924 - Como Te Quero! Como Te Adoro! (Teatro)
1924 - Dick (Teatro)
1924 - Eu Arranjo Tudo (Teatro)
1924 - Meu Bebé (Teatro)
1924 - Meu Maridinho (Teatro)
1924 - Minha Prima Está Louca (Teatro)
1924 - O Fiscal dos Wagons Leitos (Teatro)
1924 - O Homem de Cimento Armando (Teatro)
1924 - O Homem Que Morreu (Teatro)
1924 - O Papa-Léguas (Teatro)
1924 - O Papão (Teatro)
1924 - O Parente Político (Teatro)
1924 - O Rato Azul (Teatro)
1924 - O Sobrinho do Homem (Teatro)
1924 - O Sr. Director (Teatro)
1924 - O Sub-Prefeito de Chateau Brizard (Teatro)
1924 - O Talento de Minha Mulher (Teatro)
1924 - O Tio Solteiro (Teatro) - Sylvia
1924 - Rabo de Saia (Teatro)
1924 - Surpresas do Divórcio (Teatro)
1924 - Tiro Pela Culatra (Teatro)
1925 - Cala a Boca, Etelvina (Teatro) - Etelvina
1925 - O Canário (Teatro) - Flora
1928 - O Homem da Madrugada (Teatro)
1929 - Jura, Meu Bem! (Teatro)
1929 - Tournée da Companhia Jardel Jercolis (Teatro) - (Argentina)
1931 - Berenice (Teatro)
1933 - Malandragem (Teatro) - Durvalina
1933 - Segura Esta Mulher! (Teatro)
1934 - Cala a Boca, Etelvina (Teatro) - Etelvina
1935 - A Bailarina do Casino (Teatro)
1935 - Cidade Maravilhosa (Teatro)
1935 - De Norte a Sul (Teatro)
1935 - Eva Querida (Teatro)
1935 - Foi Ella (Teatro)
1935 - Tempo Quente (Teatro)
1937 - A Menina de Ouro (Teatro)
1937 - Depois da Meia-Noite (Teatro)
1937 - Rumo ao Catete (Teatro)
1939 - A Flor da Família (Teatro)
1941 - Médico à Força (Teatro)
1941 - Uma Mulher Infernal (Teatro)
1942 - A Família Lero-Lero (Teatro)
1942 - A Mulher do Próximo (Teatro)
1944 - Acontece Que Eu Sou Baiano (Teatro)
1944 - As Filhas de Candinha (Teatro)
1944 - Segredo de Família (Teatro)
1944 - Tristezas Não Pagam Dívidas (Cinema) - Marieta Pilantrina
1945 - A Mulher do Seu Adolfo (Teatro)
1946 - Chica Boa (Teatro)
1948 - A Mulher dos Meus Sonhos (Teatro)
1948 - Não Sei Chorar (Teatro)
1950 - Tournée da Companhia Brasileira de Comédia (Teatro) - (Portugal)
1953 - Rádio Nacional: Programa Hoje Tem Espetáculo! (Rádio)
1953 - Rádio Nacional: Programa Obrigado, Doutor! (Rádio)
1953 - Rádio Nacional: Programa Um Milhão de Melodias (Rádio)
1953 - Rádio Nacional: Um Programa Bayer (Rádio)
1953/1967 - Rádio Nacional (Rádio) - Radioatriz e Locutora
1955 - Rádio Nacional: Programa Barca da Cantareira (Rádio)
1955 - Rádio Nacional: Programa Revista Walita (Rádio)
1957 - Rádio Nacional: Programa Balança, Mas Não Cai (Rádio)
1956 - Poeira de Estrelas 1956 (Teatro)

Um comentário:

MARIO GORDILHO disse...

Fontes:

http://memoria.bn.br/pdf/089842/per089842_1919_07285.pdf
http://memoria.bn.br/DocReader/348970_06/1316
http://memoria.bn.br/DocReader/348970_04/2829
http://memoria.bn.br/pdf/103730/per103730_1941_00180.pdf
http://memoria.bn.br/pdf/030015/per030015_1967_A00046.pdf