Pesquisar este blog

segunda-feira, 22 de junho de 2020

Leon Eliachar



Nome real: Leon Eliachar

Créditos: Leon Eliachar, ou León Eliachar

Atividades: Ator, apresentador, escritor, autor, roteirista, colunista e jornalista

Áreas: Rádio, cinema, TV e teatro

Nascimento: 12/10/1922, Cairo - Egito

Óbito: 01/06/1987, Rio de Janeiro/RJ

Causa óbito: Homicídio (tiro)

Relacionamentos: Namorou com Wanelly Waleska dos Santos Bello (1961-1962). Era casado com Wanelly Waleska dos Santos Bello (1962-1987), um filho: Sérgio. Teve um caso com Ana Maria Schlegel (1968-1969), uma filha: Karina; e com Vera Bini Araújo (1985-1987).

Nota: Foi assassinado com um tiro na cabeça, em seu apartamento, a mando do fazendeiro e vereador paranaense Alberto Araújo, com cuja esposa o jornalista vinha mantendo um romance. O humorista foi encontrado morto no banheiro com as mãos amarradas e um tiro na cabeça. Na época em que faleceu, escrevia para o" Jornal do Comércio".

Carreira: 1941-1987

Alguns trabalhos:

1957/1958 - Noites Cariocas TV Rio (Televisão)
1958 - Esputinique no Morro (Teatro) - Autoria
1958 - Falando de Muita Gente TV Rio (Televisão) - Apresentador
1961 - Doce É a Vida TV Rio (Televisão)
1970/1972 - Faça Humor, Não Faça Guerra TV Globo (Televisão) - Roteiro

4 comentários:

Unknown disse...

CORREÇAO SOBRE SUA NOTA

NAO ESTAVA APOSENTADO. ESCREVIA PARA O JORNAL DO COMERCIO , NA EPOCA, UM DOS JORNAIS COM MAIOR CIRCULAÇAO E TIRAGEM.

TAMBEM , JAMAIS FOI CASADO PELA SEGUNDA VEZ. SEU CASAMENTO OFICIAL FOI COM WANELLY WALESKA. SE CONSULTAR O LIVRO DE 1979 " O HOMEM AO MEIO "

Abs

SERGIO ELIACHAR

Anônimo disse...

...lembro do caso. Morava no RJ na época.
E nem sabia que era do EGITO.

Rodrigo

Anônimo disse...

Mais detalhes da trama do crime por favor

Anônimo disse...

A filha Karina é psicologa, o trabalho dela na Assipi ajuda muitas pessoas

https://conscienciologia.org.br/assipi-rio-na-midia/