Pesquisar este blog

quinta-feira, 2 de abril de 2020

Carlos Murtinho



Nome real: Carlos Alberto Pinheiro Braga

Créditos: Carlos Murtinho, Carlos A. Murtinho, ou Carlos Alberto Murtinho

Atividades: Diretor, produtor, ator, autor, cenógrafo, figurinista e professor de interpretação

Áreas: Cinema, teatro e TV

Nascimento: 1930, Belém/PA

Óbito: 1991, Rio de Janeiro/RJ

Causa óbito: Câncer no pulmão

Nota: Estava aposentado. Formado em Teatro. Filho de Frederico Murtinho Braga e de Maria do Carmo Pinheiro Murtinho Braga. Irmão da atriz Rosamaria Murtinho. Tio do ator Rodrigo Mendonça e do diretor Mauro Mendonça Filho. Em 1953, foi um dos fundadores do grupo teatral "Studio 53", junto com o ator Telcy Perez. Entre 1962 e 1964 estudou Teatro em Paris - França e em Berlim - Alemanha. Era tabagista. Sofria de enfisema e de câncer no pulmão.

Carreira: 1948-1990 (51 obras)

1948 - Antígone (Teatro) - Mensageiro
1952 - A Tia de Carlitos (Teatro)
1953 - A Banana Que Não Gostava de Macaco (Teatro) - Atuação
1953 - Judas em Sábado de Carnaval (Teatro) - Direção
1953 - O Remador Mascarado (Teatro) - Direção
1953 - Propriedade Condenada (Teatro) - Atuação e Direção
1953/1954 - Antoinette ou A Volta do Marquês (Teatro) - Direção
1953/1954 - Caso do Chapéu (Teatro) - Direção
1953/1954 - Caso do Vestido (Teatro) - Autoria e Direção
1953/1954 - No Tempo do Onça (Teatro) - Atuação e Direção
1954 - O Rapto das Cebolinhas (Teatro) - Médico
1954 - Tropeiros (Teatro) - Direção
1955 - A Descoberta do Novo Mundo (Teatro) - Atuação
1955 - A Importância de Ser Severo (Teatro) - Direção
1955 - Feliz Viagem a Trenton (Teatro) - Direção
1955 - O Muro (Teatro) - Direção
1956 - Nossa Cidade (Teatro) - Direção
1956 - Seis Personagens à Procura de um Autor (Tearo) - Direção
1956/1957 - O Diabo Cospe Vermelho (Teatro) - Direção
1957 - A Descoberta do Novo Mundo (Teatro)
1957/1958 - Marido Magro e Mulher Chata (Teatro) - Atuação e Direção
1958 - Bonito como um Deus (Teatro) - Direção
1958 - Exposição 1935 ou O Zepelim e o Vovô Valentim (Teatro) - Direção
1958 - Homo Copacabanensis (Teatro) - Direção
1958 - Palavras Trocadas (Teatro) - Direção
1959 - A Colina das Sete Minas (Teatro) - Atuação e Direção
1959 - A Gaivota (Teatro) - Direção, Figurino, Cenário e Produção
1959 - A Pura Ilusão (Teatro) - Direção, Figurino, Cenário e Produção
1959 - Antoinette ou A Volta do Marquês (Teatro) - Direção, Figurino, Cenário e Produção
1959/1960 - Romance do Vilela (Teatro) - Contador Cambraia e Direção
1961 - Almas em Tumulto (Teatro) - Atuação
1961 - Carlota (Teatro) - Atuação
1961 - Lua Cheia (Teatro) - Atuação
1961 - Teledrama TV Continental: O Primo da Califórnia (Televisão) - Atuação
1962 - De Repente no Último Verão (Teatro) - Direção (França)
1962 - Pluft, o Fantasminha (Cinema)
1963 - Happening au Bonmarché (Teatro) - Atuação (Alemanha)
1964 - A Falecida (Teatro) - Direção
1965 - Biedermann e os Incendiários (Teatro) - Direção
1965 - O Crime da Cabra (Teatro) - Direção
1966 - Blues para Mister Charlie (Teatro) - Direção
1967 - A Paixão e o Apocalipse / Paixão de Nosso Senhor Jesus Cristo Segundo São Marcos e o Apocalipse (Teatro) - Direção
1969 - Os Sete Pecados Capitais (Teatro) - Direção
1971 - Os Últimos (Teatro) - Direção
1975/1976 - O Porco Ensanguentado (Teatro) - Direção
1978 - A Fila (Teatro) - Direção
1978 - Sítio do Pica-Pau Amarelo: Quem Tem Boca Vai à Roma (Televisão)
1980 - Aracelli (Teatro) - Direção
1982 - As Aves da Noite (Teatro) - Direção e Cenário
1985 - Este Mundo É um Hospício (Teatro) - Atuação
1990 - Desejo (Televisão)

Um comentário:

MARIO GORDILHO disse...

http://memoria.bn.br/DocReader/Hotpage/HotpageBN.aspx?bib=089842_06&pagfis=93845&url=http://memoria.bn.br/docreader#