Pesquisar este blog

domingo, 9 de maio de 2021

Ricardo Wanick



Nome real: Ricardo Azevedo Wanick de Souza

Créditos: Ricardo Wanick, Ricardo Marnick, Ricardo Mannick, Ricardo Wannick, Ricardo Wanich, ou Ricardo Azevedo

Atividades: Ator, modelo, apresentador e garoto-propaganda

Áreas: Teatro, cinema e TV

Nascimento: 30/03/1949, Rio de Janeiro/RJ

Óbito: 20/09/2000, Cabo Frio/RJ

Causa óbito: Homicídio

Relacionamentos: Foi casado com Carmen Regina Bernardes da Cunha (1990/199?), um filho: Igor.

Nota: Afastou-se da mídia. Formado em Teatro. Filho de Waldir Wanick de Souza e de Elza Azevedo Wanick de Souza. Foi assassinado em sua casa, em Cabo Frio. O crime foi arquivado sem solução.

Carreira: 1969-1995 (30 obras*)

1969 - Chá e Simpatia (Teatro) - Tom Lee
1972 - Comercial Roupas Ducal (Televisão) - Garoto-Propaganda / Modelo
1973 - Comercial Ducal ‘Semana Ternos Blazers’ (Televisão) - Garoto-Propaganda / Modelo
1975 - Comercial Jeans US Top (Televisão) - Garoto-Propaganda / Modelo
1975 - Comercial Tergal Rhodia (Televisão) - Garoto-Propaganda / Modelo
1977 - Comercial Suco Maguary (Televisão) - Garoto-Propaganda
1978 - Comercial Cigarros Luiz XV (Televisão) - Garoto-Propaganda / Modelo
1978 - Fantástico TV Globo: Você Faz a Reportagem (Televisão) - Médico
1978 - Gina TV Globo (Televisão) - Marcelo
1978 - Maria, Maria TV Globo (Televisão) - Jovem de Salvador
1978 - Sítio do Picapau Amarelo TV Globo: O Outro Lado da Lua (Televisão) - Marciano
1979 - A Intrusa (Cinema) - Daniel Iberra
1979 - Comercial Cigarros Luís XV (Televisão) - Garoto-Propaganda / Modelo
1979/1980 - Teu Nome É Mulher (Teatro)
1981 - Comercial Varig (Televisão) - Garoto-Propaganda 
1981 - O Amor É Nosso TV Globo (Televisão) - Túlio Mourão
1981 - Sítio do Picapau Amarelo TV Globo: O Fazedor de Milhares (Televisão)
1982 - Adeus, Fadas e Bruxas (Teatro)
1982 - Caso Verdade TV Globo: Gorda Sim, Por Que Não? (Televisão) - Júlio
1982 - Comercial Jeans Mash (Televisão) - Garoto-Propaganda / Modelo
1982 - Comercial Loção Cremosa Nívea (Televisão) - Garoto-Propaganda / Modelo
1982/1983 - Paraíso TV Globo (Televisão) - Fotógrafo
1983 - Caso Verdade TV Globo: A Grande Ambição de Elisa (Televisão)
1983 - Caso Verdade TV Globo: Calúnia (Televisão) - Dr. Sérgio
1983 - Caso Verdade TV Globo: Vida Nova (Televisão) - Sérgio
1984 - Caso Verdade TV Globo: Esperança (Televisão)
1985 - Caso Verdade TV Globo: Luz do Mundo (Televisão) - João
1986 - Comercial Relógio Cosmos (Televisão) - Garoto-Propaganda / Modelo
1986 - Selva de Pedra TV Globo (Televisão) - Piloto de Aristides Vilhena
1995 - A Próxima Vítima TV Globo (Televisão) - Pedro Paulo

(*) Pesquisa concluída

13 comentários:

Anônimo disse...

Fui cunhada de Ricardo Wanick. Ele era gentil, bom filho e irmao. Faleceu em 1999, assassinado em sua propria casa em Cabo Frio e ate hoje nao se sabe quem o matou. A policia parou as investigacoes.
Na Epoca na novela Gina, ele estava extemamente feliz. Essa foi a primeira novela que teve um papel de destaque. Sinto muita saudade do Ricardo

MARIO GORDILHO disse...

Muito obrigado pela colaboração!!! Aqui ele jamais será esquecido.

Mario Gordilho

Anônimo disse...

Procurei por ele durante anos...
Fomos muitoamigos, assim que me mudei para o Rio de Janeiro em 1971. Mantivemos uma amizade -irmã por anos. Eu fazendo curso de teatro e ele tentando a carreira, após ter sido modelo fotográfico. Era meigo e muito, mas muito amigo. Fiquei chocada em saber como faleceu. Meu querido! Fizemos cursinho de pré-vestibular (para psicologia) juntos na PUC. Tomamos muitos banhos de mar em Guaratiba. Eu italiana de nascimento, ele italiano de coração. Que esse crime possa um dia ser desvendado. Saudades Ricardo!

Anônimo disse...

Ele era meu tio. Seu óbito foi em setembro do ano 2000 pela causa já citada anteriormente.

Se não me engano, ele fez participações também na novela selva de pedra (1986) e em alguns filmes nacionais.

Parabéns pela iniciativa deste arquivo de atores e atrizes nacionais.

MARIO GORDILHO disse...

Muito obrigado pela ajuda com as informações, abração!

Anônimo disse...

Olá,

Sou filho do Ricardo.
Meu nome é Igor Wanick.
Fiquei surpreso ao entrar nesse site,que minha namorada encontro ao acaso.Meu pai faleceu em set/2000,não em 1999.
Sinto sua falta.
Qualquer informação,estamos aqui.

Anônimo disse...

Olá,
Me chamo Igor Wanick e sou filho de Ricardo Wanick. Encontrei este acervo sobre ele por intermédio de minha namorada e fiquei surpreso. Sinto muita saudade dele. Obrigado pela atenção. Abraços.

MARIO GORDILHO disse...

Caro Igor, muito obrigado pela colaboração. Se você tiver a data certa do óbito (inclusive o dia) de seu pai, seria interessante. Ele na época era casado? Com sua mãe? Qual o primeiro nome dela? Vc tem irmãos?

Abração.

Mario Gordilho

Anônimo disse...

Boa tarde:

Pareces muito com o artista/cantor/compositor PEDRO CAMARGO MARIANO.

Tchau,
Supeci

Anônimo disse...

Fomos muito amigos, fizemos o curso de teatro do Jaime Barcelos juntos, na mesma turma. Um dia o Moacyr Deriquem, que era diretor de elenco na Globo, escalou a nós dois para fazermos o par romântico protagonista de uma novela que estava para começar. Lembro-me como ambos estávamos felizes andando pelos corredores da Globo, na Lopes Quintas, vibrávamos. Depois veio a decepção, a novela foi cancelada. Não me lembro bem o ano, mas foi entre 1978 e 1979. O Ricardo era muito bonito e educadíssimo. Teríamos feito muito sucesso se a novela tivesse ido ao ar, formávamos um lindo casal de jovens atores, eu estava com uns 20 anos. Fiquei bem triste quando soube do seu falecimento.

Anônimo disse...

Conheci o Ricardo em Uruguaiana em janeiro/fevereiro de 1979 por ocasião das filmagens de "A Intrusa". Participei das filmagens mas não contracenei com ele. Me parecia ser uma pessoa calma e gentil.

Douglas Cerqueira Gonçalves disse...

Fui amigo de Ricardo em 1976 quando morava na rua Aníbal de Mendonça em Ipanema e quando fez seu primeiro filme A Intrusa no sul do Brasil.

Anônimo disse...

Filho de Waldir Wanick de Souza e Elza Azevedo Wanick de Souza