Pesquisar este blog

terça-feira, 28 de julho de 2020

Júlio César



Nome real: Júlio César Vieira da Cunha e Silva

Créditos: Júlio César, Julio Cesar, Júlio Cesar, Julio César, Júlio Cezar, Julio Cezar, Júlio César Vieira, ou Julio Cesar Vieira

Atividades: Ator

Áreas: Cinema, teatro e TV

Nascimento: 07/08/1964, Rio de Janeiro/RJ

Relacionamentos: Namorou com a modelo Márcia Veríssimo (1983). Foi casado (1993-1998), uma filha: Fernanda.

Nota:  Afastou-se da mídia. Destacou-se como astro infantil. Filho do ator Luiz Jacinto Silva 'Coronel Ludugero' e de Dagmar Vieira da Cunha e Silva. Seu pai faleceu em um acidente aéreo, em 14/03/1970, em Belém/PA.

Site: https://www.facebook.com/JulioCesarVieiraDaCunhaESilva/

Carreira: 1971-1987

Alguns trabalhos:

1972 - Caso Especial TV Globo: Sombra Suspeita (Televisão) - Amigo da menina sequestrada
1974 - O Marginal (Cinema) - Menino no bar
1977/1980- Sítio do Picapau Amarelo TV Globo (Televisão) - Pedrinho
1982 - Sítio do Picapau Amarelo TV Globo: Reinações de Narizinho (Televisão)

9 comentários:

Anônimo disse...

Meu Deus, eu daria tudo para ver esse rapaz nos dias atuais, pois ele fez parte dos meus sonhos de criança quando interpretou o "Pedrinho" do Sítio do Pica-Pau Amarelo. Como ele deve estar agora????

Anônimo disse...

pedrinho por onde voce anda queria poder revelo nos dias de hoje um abraço de um telespectador

Anônimo disse...

gostaria de ver fotos do júlio césar no filme, Costinha, O Rei da Selva, pois não encontro nenhuma foto do filme, em lugar nenhum.

Anônimo disse...

O Julio César ("Pedrinho", Sítio do Pica Pau Amarelo) é como o Jonas Torres ("Bacana", Armação Ilimitada) e o Billy Mumy ("Will Robinson", Perdidos no Espaço). Imaginei que prosseguiriam na carreira artística quando adultos!!! SÉRGIO GAÚCHO

Anônimo disse...

Ele nasceu 07/08/1964. Tem uma filha, Fernanda.

Marcos disse...

Jonas Torres está na novela IMPÉRIO!!!

Anônimo disse...

Julio hoje em dia é motorista de uber no Rio de Janeiro

Anônimo disse...

em 83 pedrinho namorava a modelo márcia veríssimo.

Unknown disse...

Um grande abraço meu amigo de infância. Saudades.