Pesquisar este blog

sexta-feira, 28 de agosto de 2020

Gracinda Freire



Nome real: Gracinda Freire dos Santos

Créditos: Gracinda Freire

Atividades: Atriz, produtora e apresentadora

Áreas: Cinema, teatro e TV

Nascimento: 31/07/1925, Natal/RN

Óbito: 11/07/1995, Rio de Janeiro/RJ

Causa óbito: AVC

Relacionamentos: Foi casada com o Sr. Dos Santos, um filho: o diretor musical 'Roberto Jorge' Freire dos Santos. Era viúva do cineasta e ator Aurélio Teixeira (1961-1973).

Nota: Afastou-se da mídia. Formada em Teatro. Também atuou como empresária teatral na "Companhia Gracinda Freire" (1957-1963). Foi sogra da cantora Áurea Catharina 'Áurea Catarina Rivera', que foi casada com seu filho Roberto Jorge (1970-198?), falecido em 2001. Quanto faleceu, estava na rua e sem documentos, o que dificultou a sua localização pela família. Nome de casada: Gracinda Freire dos Santos.

Carreira: 1951-1984 (103 obras)

1951 - Uma Janela para o Sol ou Morre Um Gato na China (Teatro)
1952 - Grande Teatro das Segundas-Feiras TV Tupi: A Mulher Sem Rosto (Televisão)
1952 - Grande Teatro das Segundas-Feiras TV Tupi: Deus Lhe Pague (Televisão)
1952 - Grande Teatro Monções TV Tupi: Diabinho de Saias (Televisão)
1952 - O Discípulo (Teatro)
1952 - Prima Dona (Teatro)
1953 - Deus Lhe Pague (Teatro) - Maria Louca
1953 - Diabinho de Saias (Teatro)
1953 - Essa Mulher É Minha (Teatro)
1954 - A Herdeira (Teatro)
1954 - Beija-me e Verás (Teatro)
1954 - Senhora (Teatro)
1955 - A Folha de Parreira (Teatro) - Mary Francis
1955 - Senhorita Barba-Azul (Teatro)
1955 - Sua Excelência a Prefeita (Teatro)
1956 - Carlota Joaquina (Teatro)
1956 - Copacabana S.A. / Papai É o Maior (Teatro)
1956 - Dona Xepa (Teatro)
1956 - Eu Arranjo Tudo (Teatro)
1956 - Os Filhos da Biruta (Teatro)
1956 - Teatro de Variedades TV Rio: Alegria de Ser Pai (Televisão)
1957 - Juramento a Longo Prazo (Teatro)
1957 - Quem Pode... Pode! (Teatro)
1957 - Rock and Roll no Carnaval (Teatro)
1957/1958 - Fogo no Pandeiro (Teatro) - (Portugal/Espanha/Alguns Países da África)
1958 - Se Quer, Diz Logo (Teatro) - Atuação e Produção
1958/1959 - Me Dá um Cheirinho Só (Teatro)
1959 - Tia Mame (Teatro)
1959 - Um Homem Fora do Seu Meio ‘inacabado’ (Cinema)
1959/1960 - Society em Baby-Doll (Teatro)
1960 - Teatro Studio A TV Rio: O Cura da Aldeia (Televisão)
1960 - Teatro Studio A TV Rio: Três Vidas (Televisão)
1961 - A Baronesa (Teatro) - Clotilde
1961 - Casar ou Experimentar (Teatro)
1961 - Conheça Seu Homem (Teatro)
1961 - Qual É o Babado? (Teatro)
1962 - O Assalto ao Trem Pagador (Cinema) - Mulher de Miguel
1962 - Três Cabras de Lampião (Cinema)
1963 - A Paixão (Teatro) - Corifeu
1963 - Conheça Seu Homem (Teatro) - Atuação e Produção
1963 - Eles Não Usam Black-Tie (Teatro) - Romana
1963 - Gimba, Presidente dos Valentes (Cinema) - Guiô
1963/1964 - Soraia, Posto 2 (Teatro) - Das Dores
1964 - A Torre em Concurso (Teatro) - Felícia
1964 - Procura-se uma Rosa (Cinema)
1965 - 4 no Teatro TV Globo: As Duas Faces da Moeda (Televisão)
1965 - Câmara Indiscreta TV Globo (Televisão) - Apresentadora
1965 - Martins Pena Faz Rir: As Desgraças de uma Criança (Teatro) - Madalena
1965 - Martins Pena Faz Rir: Quem Casa Quer Casa (Teatro) - Fabiana
1965 - Musicalíssima TV Globo (Televisão)
1966 - A Herança do Ódio TV Rio (Televisão)
1966 - Memórias de um Sargento de Milícias (Teatro) - D. Maria
1967 - A Sombra de Rebeca TV Globo (Televisão) - Missionária Milenne
1967 - Mineirinho Vivo ou Morto (Cinema) - Isabel
1967 - Secretíssimo (Teatro) - Beatriz
1969 - Rosa Rebelde TV Globo (Televisão) - Rafaela
1969 - Um Gosto Amargo de Festa TV Tupi (Televisão)
1969/1970 - Véu de Noiva TV Globo (Televisão)
197/1971 - Em Família (Teatro)
1970 - Pedro Diabo Ama Rosa Meia Noite (Cinema)
1970/1971 - Assim na Terra Como no Céu TV Globo (Televisão) - Dona Didi
1970/1971 - Esses Homens Traidores e Seus Galhos Maravilhosos (Teatro)
1971 - Faustão (Cinema) - Benvinda
1971 - Pra Quem Fica... Tchau! (Cinema) - Lourdes
1971 - Rua Descalça (Cinema)
1971/1972 - A Capital Federal (Teatro) - Fortunata
1971/1972 - Bandeira 2 TV Globo (Televisão) - Miloca
1972 - Cassy Jones, o Magnífico Sedutor (Cinema) - Criada
1972 - Comédia Especial TV Globo: Amor à Brasileira (Televisão)
1973 - Caso Especial TV Globo: O Imigrante (Televisão) - Esposa de Francisco Pereira
1973 - O Genro Que Era Nora (Teatro)
1973 - Shazan, Xerife & Cia. TV Globo: Pedra Maldita (Televisão)
1973/1974 - O Semideus TV Globo (Televisão) - Juventina
1974 - Aladim e a Lâmpada Maravilhosa (Cinema) - Helena
1975 - Ana, a Libertina (Cinema) - Prostituta Velha
1975 - Com um Grilo na Cama (Cinema)
1975 - Ipanema, Adeus (Cinema)
1975 - O Filho do Chefão (Cinema) - Heloísa
1975 - Senhora TV Globo (Televisão) - Donana
1975/1976 - Viva o Cordão Encarnado (Teatro)
1976 - O Feijão e o Sonho TV Globo (Televisão) - Mariana
1976 - Os Maníacos Eróticos (Cinema) - Mulher do Gerente
1976 - Um Homem Célebre (Cinema)
1976/1977 - Gata em Telhado de Zinco Quente (Teatro) - Mamãezona
1977 - A Árvore dos Sexos (Cinema) - Dona Auxiliadora
1977/1978 - Sem Lenço, Sem Documento TV Globo (Televisão) - Dirce
1978 - Chuvas de Verão (Cinema) - Judith
1978/1979 - Dancin' Days TV Globo (Televisão) - Alzira da Silva Maia Neves
1979 - Feijão Maravilha TV Globo (Televisão) - Antonieta
1979 - Inquietações de uma Mulher Casada (Cinema) - Dona Miriam
1979 - Nos Embalos de Ipanema (Cinema) - Dona Flora
1979 - Plantão de Polícia TV Globo: Sete Dias para Morrer (Televisão)
1980 - A Noiva da Cidade (Cinema) - Firmina
1980 - Bububu no Bobobó (Cinema)
1980 - Chega Mais TV Globo (Televisão) - Valda
1980 - Terror e Êxtase (Cinema) - Adelina
1981 - O Genro Que Era Nora (Teatro)
1982 - Amor e Traição (Cinema) - (Voz)
1982 - Dora Doralina (Cinema)
1982 - Os Vagabundos Trapalhões (Cinema)
1982 - Sétimo Sentido TV Globo (Televisão)
1983 - Estranhas Relações (Cinema) - Inês
1984 - Caso Verdade TV Globo: Vida (Televisão) - Nora

6 comentários:

gmf disse...

caro amigo, seu blog e do caralho!

MARIO GORDILHO disse...

Falou!! Guido!! Valeu!!

Unknown disse...

GRANDE ATRIZ EM DANCIN DAYS BUBUBU NO BOBOBO E CHUVAS E VERÃO ELA ARRASA SAUDOSA GRACINDA

Anônimo disse...

GRACINDA FREIRE EU ME LEMBRO DELA DE FEIJÃO MARAVILHA COMEDIANTE DE MÃO CHEIA E FIQUE MAIS ADMIRADOR E ORGULHOSO DELA QUANDO SOUBE QUE ELA ERA AQUI DE NATAL, MINHA MÃE CONHECE A HISTÓRIA DELA QUE ELA SAIU DAQUI DE NATAL E FOI PRO RIO NOS IDOS DA DÉCADA DE 60 E TODOMUNDO DA CIDADE COMENTOU A IDA DELA PRO RIO E QUE ELA JA ERA ATRIZ AQUI EM NATAL NAQUELA ÉPOCA E CHEGOU NA GLOBO E FEZ BONITO ,,TEMOS MUITO ORGULHO DELA POR ELA SER NORDESTINA E FAZER NOSSO NOME LÁ EM BAIXO,,,MUITO TALENTOSA ELA, MUITO MESMO,,,

Marcus Teixeira disse...

Gracinda Freire, lembro bem dela em Dancin Days, tinha um time para comédia espetacular.

MARIO GORDILHO disse...

Fontes:

http://memoria.bn.br/DocReader/089842_06/73731
http://memoria.bn.br/DocReader/089842_06/103245
http://memoria.bn.br/DocReader/089842_07/56782