Pesquisar este blog

sexta-feira, 17 de abril de 2020

Leila Cravo



Nome real: Leila da Rocha Cravo

Créditos: Leila Cravo

Atividades: Atriz, escritora, modelo, garota-propaganda e apresentadora

Áreas: Cinema, teatro e TV

Nascimento: 23/11/1953, Rio de Janeiro/RJ

Relacionamentos: Namorou com o banqueiro Marco Aurélio Sampaio Moreira Leite (1975); com o Sr. De Cerqueira e Souza (1975-1977), uma filha: Tathiana; e com Antônio Octávio Pietrobelli (1993-2013).

Nota: Afastou-se da mídia. Filha de Adauto da Rocha Cravo. Também atuou como empresária no ramo de telecomunicações. Em 11/11/1975, foi vítima de um grave incidente, ao ser jogada, dopada, da janela de uma suite do Vip's Motel, no Rio de Janeiro/RJ. Autora do livro "Passagens Secretas" (1979). Viveu muitos anos na cidade de Cascavel/PR. Hoje vive no Rio de Janeiro/RJ.

Site: https://www.facebook.com/leila.cravo.3

Carreira: 1970-1997 (27 obras)

1970 - Um Uísque antes, Um Cigarro Depois (Cinema)
1971 - Uma Pantera em Minha Cama (Cinema) - Teresa
1973/1974 - O Semideus (Televisão)
1974 - Brutos Inocentes (Cinema)
1974 - Corrida do Ouro - Carmem
1974 - Relatório de Um Homem Casado (Cinema)
1974/1975 - Corrida do Ouro (Televisão) - Carmem
1975 - Fantástico TV Globo (Televisão) - Apresentadora
1975 - O Monstro Caraíba (Cinema)
1975 - Programa Sílvio Santos: Quem Sabe Mais, o Homem ou a Mulher? (Televisão) - Ela mesma
1976 - Alta Rotatividade (Teatro)
1976 - Quem É o Pai da Criança? (Cinema) - Cristina
1976 - Tem Alguém na Minha Cama (Cinema)
1976 - Vejo a Lua no Céu (Televisão) - Doralice
1976/1979 - O Planeta dos Homens TV Globo (Televisão)
1977 - Locomotivas (Televisão) - Leila ‘Leilinha’
1977 - Mitolontragem (Teatro)
1977/1979 - Os Trapalhões TV Globo (Televisão)
1978 - Empregada para Todo Serviço (Cinema) - Rosa, a empregada
1978 - Gargalhada Final (Cinema) - Lavadeira
1978 - O Bem Dotado: O Homem de Itu (Cinema)
1978 - O Pulo do Gato (Televisão)
1978 - Te Contei? (Televisão) - Elisa
1978/1979 - Sinal de Alerta (Televisão) - Daisy
1981 - Godofredo Manda-Brasa (Teatro)
1987 - Very Very Sexy (Teatro)
1988/1997 - Programa Infantil da TV Tarobá de Cascavel (Televisão) - Apresentadora, além da Produção

10 comentários:

Sergio Marcio disse...

Só hoje li por acaso sobre a estranha história de Leila e de seu acidente. Muito interessante o blog, tem vários atores que eu não conhecia.

Anônimo disse...

Adoro esta atriz que está tão sumida da mídia,me lembro de uma novela que ela fez chamada "O Pulo do Gato" e um filme que assistí no cinema e que tenho até o vhs dele que se chama "Empregada Para Todo o Serviço",saudades de vc Leila,um beijo fique com Deus.

Maurício Cerqueira disse...

Leila nunca casou, morou por quase 2 anos com o pai da filha dela (1975-1977) e atualmente é avó há 9 anos.
Em total reclusão, mora no Paraná com um "marido" que cuida dela, onde parece atuar como empresária.

Maria Alice disse...

Leila Cravo.....me lembro como se fosse hoje o ocorrido come essa moça naquele dia num motel e como ela foi massacrada sozinha....Quem fez aquilo com ela devia ser muito poderoso, pois sempre ficou no anonimato. Que pena!!!ela tinha muito talento.

Anônimo disse...

... Está na TV no momento um noticiário sobre o que possa ter havido. Suspeito.
Lembro de passar na tal AV NIEMEYER há tempos no RJ (de onde sou) e um dos pais me falar 'que na área foi achado o corpo da artista Leila Cravo'. Era um famoso motel chamado VIP´S. Agora outra coisa. Alias junto ao tal CHAPÉU DOS PESCADORES (onde acharam o corpo da CLAUDIA LESSIN RODRIGUES). E que zona fatídica! Até me arrepio.
Vendo imagens dela: cada vez lembra alguém diferente, e quero ver como se encontra agora.


Rodrigo (Porto Alegre)

Anônimo disse...

Só pequei a entrevista no final.
Alias não entendi o que aconteceu... e depois de tanto tempo! Coisa séria mesmo.
Disse coisas bem relevantes.
Alguém conhecido a visitou de nome ZÉLIA: no início achei que fosse a ZELIA CARDOSO DE MELO (risos) onde achava ser a VERA GIMENEZ, bem parecida com tal.

R.

Unknown disse...

Foi uma injustiça que fizeram com a Leila ela tem que voltar para as telas

Michael Carvalho Silva disse...

Leila Cravo, uma belíssima, talentosa, adorável e extraordinária atriz, modelo e apresentadora de televisão nacional que foi de longe o maior e o mais espetacular símbolo sexual feminino e brasileiro da década de setenta do século vinte junto com a igualmente esplendora e inesquecível atriz, modelo e manequim morena, elegante e imponente Elisa Fernandes cuja carreira foi injustamente arruinada por conta do escândalo envolvendo seu grave acidente naquela época. Espero que você esteja bem agora, minha linda, adorada e querida Leila Cravo. Deus lhe abençoe e lhe proteja hoje e sempre minha amada Leila.amém.

Michael Carvalho Silva disse...

Além de Leila Cravo e da saudosa Elisa Fernandes, outro grande e belíssimo símbolo sexual feminino e brasileiro da década de setenta do século vinte foi a magnífica e esplendorosa modelo e manequim nacional Lívia Mund que em 1975 foi a primeira beldade a posar nua para a edição brasileira da famosa revista masculina "Playboy" que naquela época se chamava "Homem" sendo depois sucedida pela igualmente maravilhosa atriz brasileira Keila Tavares que também era belíssima.

MARIO GORDILHO disse...

Fonte:

https://glamurama.uol.com.br/a-historia-da-ex-apresentadora-do-fantastico-que-despencou-nua-do-motel/