Pesquisar este blog

segunda-feira, 21 de setembro de 2020

Flamínio Fávero



Nome real: Flamínio Fávero

Créditos: Flamínio Fávero, ou Flaminio Favero

Atividades: Ator

Áreas: Teatro, cinema e TV

Nascimento: 1941, São Paulo/SP

Relacionamentos: Casado com Marina (desde 1973), três filhos: Flamínio Fávero Filho, Juliana e Carolina.

Nota: Afastou-se da mídia. Formado em Teatro. Destacou-se como ator infantil. Hoje atua como empresário comercial. Tem um restaurante, inaugurado com o falecido autor Geraldo Vietri em 1972, chamado "La Sorella Pizza Bar", em Moema, São Paulo/SP.

Carreira: 1954-1982

Alguns trabalhos:

1964 - Humor 4 TV Tupi: Se Aquele Anjo Falasse... (Televisão)
1975 - Meu Rico Português TV Tupi (Televisão) - Werner
1981 - Que Estranha Forma de Amar (Cinema) - Flamínio

5 comentários:

Anônimo disse...

Teve um restaurante junto com Geraldo Vietri. Foi casado com Maria Aparecida e teve um filho.
Abraço

Anônimo disse...

Eu pensava que o ator Flamínio Fávero tivesse algum parentesco com o famoso médico legista e autor de obras de medicina legal homônimo.

Anônimo disse...

Foi casado com Marina e teve três filhos.

Anônimo disse...

Ele morava na Pompéia, fazia trabalhos na Tupi, o pai dele possuía um açougue na esquina da Cajaíba com a Caraíbas.

MARIO GORDILHO disse...

SÉRIE “NÚCLEOS DA DRAMATURGIA" - ATOR FLAMÍNIO FÁVERO PARTICIPOU DE 14 OBRAS NO CINEMA E TELEVISÃO, ENTRE 1963 E 1982 (NA TV DESTACOU-SE EM 08*):

https://elencobrasileiro.blogspot.com/2014/07/flaminio-favero.html

1963 - Grande Teatro Tupi: Homens Sem Deus (Televisão)
1964 - Grande Teatro Tupi: Tudo Isto e o Céu Também (Televisão)
1968 - O Pequeno Mundo de Marcos (Cinema) - Flamínio
*1969 - Nino, o Italianinho (Televisão) - Chiquinho
*1971 - A Fábrica (Televisão) - Bruno
1972 - A Primeira Viagem (Cinema) - Gustavo
*1972 - Vitória Bonelli (Televisão) - Lucas Bonelli
*1973 - O Conde Zebra (Televisão)
*1975 - Meu Rico Português (Televisão) - Werner
*1976 - Os Apóstolos de Judas (Televisão) - Nando
1976 - Senhora (Cinema)
1976 - Tiradentes, O Mártir da Independência (Cinema)
*1978 - João Brasileiro, o Bom Baiano (Televisão) - Vitório
*1982 - Renúncia (Televisão) - Jorge