Pesquisar este blog

quarta-feira, 30 de dezembro de 2020

Mary Lincoln


Nome real: Mary Lincoln*

(*) Nome artístico

Créditos: Mary Lincoln

Atividades: Atriz, cantora e produtora

Áreas: Teatro e cinema

Nascimento: 1919, São Paulo/SP

Óbito: 30/09/1981, Rio de Janeiro/RJ

Causa óbito: AVC

Nota: Afastou-se da mídia. Formada em Comércio. Ex-vedete do "Teatro de Revista". Eleita "Rainha das Artistas" de 1942. Também atuou como empresária teatral. Vivia no "Retiro dos Artistas". Conhecida como "A Apoteose Morena".

Carreira: 1941-1958

Alguns trabalhos:

1941/1942 - Você Já Foi à Bahia? (Teatro) - Vedete
1943 - Rei Momo na Guerra (Teatro) - Vedete
1945 - Batuque no Beco (Teatro) - Vedete
1945 - Filhinha do Coração (Teatro)
1945 - Triunfo É Espadas (Teatro) - Vedete
1946 - O Conde de Luxemburgo (Teatro)
1946 - Viúva Alegre (Teatro)
1947 - Mártir do Calvário (Teatro) - Samaritana
1951 - Boa... Até a Última Gota (Teatro) - Vedete
1951 - Lampeão (Teatro) - Maria Bonita
1951 - O Despertar da Montanha (Teatro) - Rosa
1952 - A Filha da Tirolesa (Teatro) - Vedete
1952 - Bacanal (Teatro) - Vedete
1952 - Burlesque (Teatro) - Vedete
1952 - Cavalade (Teatro) - Vedete
1952 - Clarins em Fá (Teatro) - Vedete
1952 - Cuba Livre (Teatro) - Vedete Principal
1952 - Folias de Monte Carlo (Teatro) - Vedete
1952 - Na Terra do Samba (Teatro)
1952 - O Terceiro Homem (Teatro) - Vedete
1952 - Segredos de Paris (Teatro) - Vedete
1952 - Um Vagabundo Toca em Surdina (Teatro) - Vedete
1952 - Zona Sul (Teatro) - Vedete
1953 - Cherchez la Femme (Teatro) - Vedete
1958 - Encosta a Cabecinha (Teatro) - Vedete

Nenhum comentário: