Pesquisar este blog

terça-feira, 9 de junho de 2020

Maria Castro



Nome real: Maria Castro Pires

Créditos: Maria Castro, ou Maria Castro Pires

Atividades: Atriz, radioatriz, diretora e produtora

Áreas: Teatro e rádio

Nascimento: 1890, Fortaleza/CE

Óbito: 22/11/1960, Rio de Janeiro/RJ

Causa óbito: Desconhecida

Relacionamentos: Ficou viúva do ator Joaquim Simões de Castro (1904-1918), dois filhos: Armando Simões de Castro e Leonor Sundim. Era viúva do empresário teatral e ator Álvaro O. Margarido Pires (1918-194?), um filho: Edson Margarido Pires.

Nota: Estava aposentada. Também atuou como empresária teatral na "Companhia Maria Castro-Raphael Marques". Nome de casada: Maria Castro Pires.

Carreira: 1904-1955

Alguns trabalhos:

1911 - Zazá (Teatro) - Zazá
1920 - Martyr do Calvário (Teatro) - Magdalena
1925 - Zazá (Teatro) - Zazá
1933 - A Dama das Camélias (Teatro) - Atuação e Produção
1933 - Amor de Perdição (Teatro) - Atuação e Produção
1933 - As Duas Órfãs (Teatro) - Atuação e Produção
1933 - Ferro em Braza (Teatro) - Atuação e Produção
1933 - O Crime da Quinta Avenida (Teatro) - Atuação e Produção
1933 - O Grande Industrial / O Mestre de Forjas (Teatro) - Atuação e Produção
1935 - Cabocla Bonita (Cinema)
1931 - Quem Beijou Minha Mulher? (Teatro)
1943 - Amanhã Será Outro Dia (Teatro)
1943 - Deus (Teatro)
1943 - Mulher (Teatro)
1946 - Frenesi (Teatro) - Madame Coq
1947 - Frenesi (Teatro) - Madame Coq
1948 - Medéia (Teatro)
1950 - Os Filhos de Eduardo (Teatro)
1953 - Rádio Nacional: Programa No Meu Tempo de Rapaz (Rádio)
1953 - Rádio Nacional: Radionovela A Força da Humildade (Rádio)
1955 - Diálogo das Carmelitas (Teatro)

Nenhum comentário: