Pesquisar este blog

quinta-feira, 28 de novembro de 2019

Claudioney Penedo



Nome real: Claudionêr Francisco Penedo

Créditos: Claudioney Penedo, Claudionei Penedo, ou Claudionor Penedo

Atividades: Ator

Áreas: Cinema, teatro e TV

Nascimento: 22/09/1941, Rio de Janeiro/RJ

Óbito: 18/02/2006, Rio de Janeiro/RJ

Causa óbito: Câncer na coluna

Relacionamentos: Era casado com Maria Cecília Amorim Penedo (1969-2006), três filhos: Ana Luísa, Luís Felipe e Ricardo.

Nota: Estava aposentado. Também atuou como servidor público. Sofreu um grave problema vascular que o levou a amputar a perna esquerda, em 13/08/2001. E em janeiro de 2006 foi internado com dores no corpo, falecendo no mês seguinte.

Carreira: 1973-2001

Alguns trabalhos:

1973 - O Bem-Amado (Televisão) - Capanga do Coronel Hilário Cajazeira
1978 - Ciranda Cirandinha: Porque Hoje É Sábado (Televisão) - Motorista de ônibus
1980/1984 - O Bem-Amado (Televisão) - Caboré, Segurança do Prefeito
1983 - Mário Fofoca: Fofoca de Proveta (Televisão) - Carcereiro
1984 - Eu, Você, Ele e os Outros / Non c'è Due Senza Quattro (Cinema) - Chefe do Tango (Itália)
1987 - Os Fantasmas Trapalhões (Cinema)
1991 - O Fantasma da Ópera (Televisão) - Waldomiro

Um comentário:

Anônimo disse...

Faustino, o mordomo 'envenenador'